1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>
Sábado, 18 de Agosto de 2018

Enquanto isso, os palhaços...

PDF Imprimir E-mail

Escrito por Rodrigo Robleño Seg, 28 de Março de 2011 18:32

Enquanto o Mundo gira, os palhaços já invadiram, pela segunda vez, a cidade de Arapiraca, em Alagoas. É o II Encontro de palhaços - Festival Gargalhada, que começou oficialmente ontem, e a todo vapor, ou melhor, a todo riso.

Já as 09h00 da manhã, a cidade acordou com uma palhaceata, regada a muita maquiagem e figurino, bonecões caracterizados de palhaço e uma multidão que seguiu a Turma do Biribinha - anfitriã do evento - pelas ruas do centro da cidade.

Logo após, o palhaço Viralata - esse sou eu - teve a honra de se apresentar em praça pública, para uma platéia de estudantes uniformizados, palhaços improvisados, grandes mestres do riso como Biribinha e Tubinho, e, principalmente, pessoas que passavam e eram atraídas pelos risos da platéia. Maravilha, escrevo e me "arrupio"....

À tarde, foi a vez de abrir a "Exposição sobre palhaços": simples e atraente, a exposição conta com diversos objetos curiosos sobre o mundo claunesco. O colorido dessa exposição comprova que o sonho de se ter um "Museu do Palhaço" é viável, é possível... e é necessário.

Pela noite, vez primeira, tive a oportunidade de assistir ao espetáculo do Tubinho - "O Rei-ei-ei do Riso-so-so!". Três artistas maravilhosos, três pessoas maravilhosas em cena, despejando sua energia e verve cômica para o delírio do público (acabo de ouvir ao meu lado um professor universitário, que veio a um congresso aqui em Arapiraca, dizer a atendente do hotel: "ontem o negócio lá do palhaço foi maravilhoso, muito bom... hoje tem mais?!"). Então, justo nesse momento que tanto se fala das peripatéticas peripécias de Tubinho nas terras de Ibiúna, podemos incluir Arapiraca como novo território Tubélico: aqui, Tubinho também é rei do riso.

Mas não podemos deixar de dizer que, apesar de Arapiraca receber vários palhaços do Brasil, aqui quem reina mesmo é Biribinha e sua Turma: conhecido e querido por todos, o palhaço-mor de Arapiraca, o Mestre do Riso por estas bandas - e que já se fez mestre pelo nosso Brasil afora, participando de inúmeros festivais e outros eventos, invadindo inclusive a Terra do vikings, e sempre com o mesmo sucesso e simpatia.

Isso porque Biribinha e família, Biribinha e turma, trazem na veia o prazer de fazer rir, a alegria de estar no palco, para agradar tanto crianças quanto adultos.

Conheci a Turma do Biribinha em 2006, eu assistindo e me emocionando com o "Reencontro de palhaços..." e, desde então, mantivemos contato. Agora, tenho a oportunidade de ver Biribinha e sua parceira Pipoca fazendo estripulias para crianças das escolas de Arapiraca. Palhaços, malabares e bonecos provocando, no público infantil, um gostoso delírio de felicidade, de alegria: gritos histéricos contagiando de alegria anós adultos ali presentes.

E ainda tem mais: hoje teremos debate, oficina e o espetáculo do amigo Ésio Magalhães: "Ciro Do Só Eu", com Zabobrim... e até domingo, muito riso ainda vai rolar solto.

Obrigado Teófanes Biribinha e Teófanes Mixuruca pela oportunidade ímpar de participar deste festival.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Painel de entrevistas

jose_rubens_peq
José Rubens
Thumb_lily
Lily Curcio
thumb_chacovachi
Payaso Chacovachi
Argentina
thumb_muralla
Teatro la Muralla
Equador
thumb_museo
Teatromuseo
Chile





Erminia em entrevista no Jô

(+) entrevista na íntegra

Parceiros

As Marias da Graça (Rio de Janeiro - RJ)
Centro de Memória do Circo (São Paulo - SP)
El Circense (Buenos Aires - Argentina)
Encontro de Bastidor (Brasília - DF)
Escola Nacional de Circo (Rio de Janeiro - RJ)
Instituto de Ecocidadania Juriti (Juazeiro do Norte - CE)
Intrépida Trupe (Rio de Janeiro - RJ)
Panis & Circus (São Paulo - SP)
Teatro de Anônimo (Rio de Janeiro - RJ)